4.8.10

Por terras do Rio Mondego, enquanto uns descansavam outros dislumbraram-se com as vistas de Coimbra...

...á noitinha e com muito calor, também se ouviu cantar o Fado!
...percorremos ruas e vielas ate chegar á Sé Velha, pois só de noite foi possivel visitar Coimbra, os 40 graus e o fumo dos incêndios tornava penoso o passeio.


...aqui morou o Poeta e cancionotista ZECA AFONSO.


...a imponente Sé Velha!

1 comentário:

Manuel Luis disse...

E fez bem ter passado por Coimbra para ouvir a canção daquela encantada Cidade dos meus amores.
Uma homenagem as bombeiros que tantos riscos correm. Aos governantes que não tem imaginação para castigar os incendiários.
Ao blogue!
Abraço